Paralisação dos caminhoneiros impede viagem do time da melhor campanha até cidade do adversário – Futebol Interior


Castanhal, PA, 09 (AFI) – Classificado com a melhor campanha da Série D do Campeonato Brasileiro, o Castanhal vai começar uma disputa na próxima fase contra o Moto Club no domingo, dia 12. A logística do Japiim, porém, está comprometida por conta das manifestações dos caminhoneiros a favor do presidente Jair Bolsonaro. A diretoria do clube está em contato com a CBF, mas no momento não há possibilidade da partida ser adiada.

Desde quarta-feira(8), algumas rodovias estaduais e federais estão sendo bloqueadas em todo o país, e no Pará não é diferente. Dois trechos da BR-010, entre Paragominas e Santa Maria, e o Km 24 da BR-316, no perímetro entre Benevides e Castanhal, estão interditados pelos manifestantes, que reivindicam a destituição dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e o voto impresso e auditável e demonstrar apoio ao presidente Jair Bolsonaro. 

MUDANÇA DE PLANOS

No início, o planejamento do time era ir até São Luís-MA de ônibus em um trajeto de mais o menos 12h, mas esta hipótese está descartada no momento. Outra maneira de ir, seria com transporte aéreo e já está sendo tratada pelo clube, mas também esbarra na questão do trânsito, já que em Castanhal não tem aeroporto.

PRÓXIMO JOGO

Ao que tudo indica, o jogo irá acontecer, sim, neste domingo(12). E caso aconteça, será o jogo de ida do confronto com o Moto Club, no estádio Nhozinho Santos, em São Luís, às 15h.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior