RB Bragantino 1 x 2 Chapecoense – Chape vence a 1ª no Brasileirão com gol aos 49′ do 2T – Futebol Interior


Bragança Paulista, SP, 11 (AFI) – Até que enfim. Após de longas 20 rodadas, a Chapecoense conquistou a primeira vitória no Brasileirão na noite deste sábado (11). Depois de sair atrás no placar, o time catarinense fez o improvável e marcou o gol da virada aos 49 minutos do segundo tempo com Anselmo Ramon para vencer o Red Bull Bragantino, fora de casa, no Estádio Nabi Abi Chedid, por 2 a 1.

Com o resultado, a equipe alvinegra respirou, mas não conseguiu sair da zona de rebaixamento e de quebra complicou a vida do rival. Com 10 pontos, a Chapecoense viu a diferença para o Bahia, primeiro time fora do Z4, cair para onze pontos. Mas, a situação ainda é complicada. Já o Red Bull Bragantino pode perder sua vaga no G4 após a derrota. Isso porque, com 32 pontos, a equipe pode ser ultrapassada pelo Flamengo, que tem 31 e ainda joga na rodada contra o Palmeiras.

Assista aos melhores momentos do duelo

PRIMEIRO TEMPO

A partida começou bastante movimentada, prova disso é que nos cinco primeiros minutos, a Chapecoense se lançou ao ataque e teve duas boas chances. Na melhor delas, Anderson Leite aproveitou o rebote dado por Cleiton após um cruzamento e chegou batendo, mas acabou pegando embaixo da bola que saiu por cima do gol. A resposta do Red Bull Bragantino também veio em uma bola alçada. Aos 18, Gabriel Novais recebeu na área e só ajeitou para Eric Ramires chutar de primeira, mas a bola saiu rente a trave.

Depois de mais algumas tentativas dos dois lados sem muito perigo, o placar saiu do zero aos 37 minutos. Artur chutou e a bola acabou pegando na mão do lateral Busanello. Depois da revisão do VAR, o árbitro marcou pênalti. O próprio camisa 7 do RB Bragantino foi para a cobrança e não desperdiçou, mandando a bola no canto oposto do goleiro Keiler, que nada pode fazer. Nos minutos finais, o duelo seguiu equilibrado e por conta disso, foi para o intervalo com a vitória por 1 a 0 do time paulista.

SEGUNDO TEMPO

No retorno para o segundo tempo, a Chapecoense foi para o ‘tudo ou nada’ em busca do empate. Tanto que aos 23 minutos, Anselmo Ramon recebeu pela esquerda e cruzou rasteiro para Mike, que acertou a trave. Mas, no rebote, Geuvânio mandou para as redes. Porém como o atacante estava em situação irregular, o bandeirinha deu impedimento no lance e anulou o gol. Mesmo assim, a Chapecoense não desistiu e foi chegar ao empate aos 33 minutos.

Ravanelli cobrou falta na área e Mike se adiantou aos marcadores para dar uma cabeçada certeira, no ângulo do goleiro Cleiton, que não teve chances. Nos minutos finais, depois de chutar uma bola na trave, o Anselmo Ramon garantiu a vitória de virada da Chapecoense aos 49 minutos. Depois de mais um levantamento na área, Jordan ajeitou e o atacante chegou testando firme para o gol, fechando o duelo em 2 a 1.

PRÓXIMOS JOGOS

Os dois times voltam a campo no próximo sábado (18) para a disputa da 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. Logo às 17h, a Chapecoense recebe o Palmeiras, na Arena Condá, em Chapecó. Um pouco mais tarde, às 21h, o Red Bull Bragantino visita o Bahia, no Estádio de Pituaçu, às 21h.


Fonte: Futebol Interior