Athletico x Ceará – Para deixar o perigo de rebaixamento para trás! – Futebol Interior


Curitiba, PR, 09 (AFI) – De olho nas vagas continentais e pensando em se afastar de vez da zona de rebaixamento, Athletico e Ceará se enfrentam nesta quarta-feira, às 18h30, na Arena da Baixada, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ambos estão no meio da tabela de classificação.

O Athletico tem 38 pontos e ocupa a 11ª colocação. A zona de rebaixamento já ficou para trás, com o Sport no 17º lugar, com 30. O time paranaense vem de triunfo por 2 a 0 para cima do Red Bull Bragantino, fora de casa. Curiosamente, a equipe paulista é o adversário na final da Sul-Americana.

O Ceará vive sua melhor fase no Brasileirão e triunfou nas duas últimas rodadas, sendo a última para cima do Cuiabá, por 2 a 0. O time alvinegro é o décimo colocado, com 39 pontos. O Corinthians, em sexto, tem 47.

COMO VEM O FURACÃO?

O técnico Alberto Valentim ganhou reforços importantes para o embate. O treinador contará com o zagueiro Nicolás Hernández, o meia David Terans e o atacante Renato Kayzer, que não jogaram contra o Red Bull Bragantino por estarem suspensos.

Por outro lado, Léo Cittadini irá desfalcar o time na rodada por estar suspenso. Christian assume a vaga. Já nomes como o de Zé Ivaldo e de Bissoli devem aparecer entre os reservas.

Athletico e Ceará se enfrentam nesta quarta-feira

“Uso muito um termo com os atletas: identidade. A maior motivação que a gente pode passar para os jogadores é ter uma conversa verdadeira para que eles deem o máximo. Peço para o torcedor estar junto com a gente. Que a Arena da Baixada esteja lotada, porque vamos precisar desse apoio deles”, falou Valentim.

E O VOZÃO?

O Ceará terá mais problemas do que novidades para o embate desta quarta-feira. O técnico Tiago Nunes não terá à disposição os zagueiros Luiz Otávio e Messias, além do atacante Jael, todos suspensos. Por outro lado, Gabriel Dias está de volta.

O jogador assume a função na lateral direita, enquanto o miolo de zaga terá Gabriel Lacerda e Klaus. No ataque, Cléber atuará ao lado de Erick e Mendoza.

“Todos sabem que tenho um carinho enorme pela torcida. Estou com um friozinho na barriga para ver como vai ser esse nosso reencontro. Claro, hoje um de cada lado, mas estou ansioso. Agora estou defendendo e faço de tudo pelo Ceará, porque futebol é futebol. Mas estou curioso para ver como vai ser o reencontro”, disse o técnico que foi campeão da Copa do Brasil pelo clube paranaense.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior