“É praticamente um título” – Futebol Interior


Brusque, SC, 19 (AFI) – A vitória por 2 a 0 sobre o Operário na noite desta sexta-feira pela 37ª rodada da Série B do Brasileiro selou a permanência do Brusque na competição.

No final do jogo, os jogadores e o técnico Waguinho Dias fizeram a festa junto com a torcida. Autor do primeiro gol, o lateral-esquerdo Airton afirmou que a fuga do rebaixamento pode ser considerado um título.

“É praticamente um título. A gente sabe da dificuldade do campeonato, por ter cinco campeões brasileiros da Série A. Trabalhamos firmes do início ao fim. Agora é comemorar a permanência”.

Destaque do time na Série B, o atacante Edu, chorou de alívio após o apito final.

NA TABELA

Faltando apenas uma rodada para terminar a Série B, o Brusque, com 47 pontos agora, na 10ª colocação, pode até ser alcançado pelo Londrina, primeiro time na zona de rebaixamento, mas no quesito desempate (número de vitórias) leva vantagem, com 13 vitórias, contra dez.

Na última quinta-feira, o STJD aceitou o recurso e devolveu ao Brusque os três pontos para o Brusque no caso de racismo por parte do presidente do Conselho Deliberativo do Brusque, Júlio Antônio Petermann contra o jogador Celsinho, do Londrina. O Brusque foi punido apenas com multa de R$ 30 mil e a perda de um mando de campo, que será cumprido apenas em 2022


Fonte: Futebol Interior