“Muito baixo o nível” – Futebol Interior


Recife, PE, 11 (AFI) – O técnico Gustavo Florentín não gostou nada da atuação do árbitro paulista Raphael Claus na derrota do Sport para o América-MG, por 3 a 2, na Arena de Pernambuco, pela 31ª rodada do Brasileirão.

Na visão do treinador, o meia Gustavo não era para ter sido expulso aos 24 minutos do primeiro tempo, pouco depois de um pênalti não ter sido marcado. Essa, porém, não é a primeira vez que o Sport foi prejudicado, disse Florentín.

“Eu venho dizendo que nos últimos seis jogos os árbitros estão com muitos erros contra nós, isso chama muito a atenção. Ele se equivocou na jogada de Gustavo, não era para expulsão. O máximo que deveria ter acontecido era o amarelo. Equivocou-se numa jogada em que Paulinho faz o cruzamento e a bola pega no braço do defensor do América. Foi pênalti, a imagem mostrou”, comentou o treinador.

NA BRONCA!
A bronca de Gustavo Florentín não terminou por aí. O treinador classificou como “muito baixo” o nível da arbitragem nos últimos jogos do Sport e revelou que vem conversando com a diretoria para algo ser feito nas rodadas finais.

“Incrivelmente eles erram contra o Sport. Está muito baixo o nível da arbitragem, justamente nas nossas partidas. Estamos falando com os dirigentes, tentando que nas próximas partidas não tenham tantos erros contra nós”, finalizou.

A situação do Sport no Brasileirão é bastante delicada. Faltando seis partidas, o time está na 18ª colocação, com 30 pontos, seis a menos que o Bahia, primeiro fora da zona de rebaixamento. O Esquadrão, porém, tem dois jogos a menos.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior