Nos Tempos do Imperador: Zayla vai presa após cometer crime sangrento



Zayla (Heslaine Vieira) fará madame Lambert (Lorena da Silva) pagar por todas as humilhações sofridas em “Nos Tempos do Imperador”. Tudo começará quando a patroa receber todos os créditos por um vestido feito pela princesa da Pequena África.

Ela perderá a cabeça de vez ao ser acusada de um crime que não cometeu. “Nunca pensei que ia ser roubada por uma negrinha ladrona num ‘astelinhê’ todo metido a besta. Vou dar queixa”, dirá a madame ao dar falta de um broche.

“Se você pegou essa joia, devolva, s’il vous plait [por favor, em francês]. Podemos dizer que estava entre as almofadas do canapé”, falará. O que é isso, madame? Não acredito que esteja desconfiando de mim”, rebaterá Zayla.

“Convenhamos que tenho motivos para isso! Não é de hoje que você vem criando aborrecimentos para mim com seus atrasos, seus sumiços no meio do dia, as visitas que recebe de homens das suas relações. Mas agora foi longe demais. Roubar uma cliente?”, rebaterá a patroa

“Eu não roubei nada! Se tem uma ladra aqui, essa ladra é a senhora. Estou falando do vestido que eu desenhei, que eu costurei, e a madame disse para a condessa de Iguaçu que tinha feito sozinha”, responderá Zayla.

“Não seja estúpida! Acha que alguma cliente do meu ateliê iria pagar por um vestido feito pelas mãos de uma negrinha? Você pode fazer o vestido mais lindo desse mundo, que nunca vai passar de uma negrinha sem importância, como qualquer outra negrinha”, dirá Lambert que se mostrará tão racista quanto Tonico (Alexandre Nero).

“Cala a boca”, gritará Zayla ao pegar um tesoura e arrancar sangue da estilista. “Você tentou me matar?! Socorro! Polícia! Segurem essa mulher”, falará a madame.





Fonte: iBahia