Adolescente, familiares e casal: saiba quem são as vítimas do acidente em Capitólio (MG)



Os dez mortos em Capitólio (MG) foram identificados. Entre as vítimas da queda da queda de um cânion há jovens, idosos, casais e familiares da mesma família. 

Na tarde do último sábado (8), os turistas que estavam em lanchas, no lago de Furnas, foram atingidos pela queda da rocha. A polícia confirmou a morte das dez pessoas que estavam na mesma embarcação, chamada Jesus. 

Conheça as vítimas do acidente: 

  • Júlio Borges Antunes, de 68 anos, natural de Alpinópolis (MG)

Antunes era pescador. Segundo familiares, ele nada muito bem e conhecia a região como ninguém. Nunca havia andado de lancha. Ele foi ao local a convite de um amigo de infância, Sebastião, que também morreu no acidente. O corpo foi enterrado no último domingo (9). 

  • Maycon Douglas de Osti, de 24 anos, natural de Campinas (SP)

O jovem estava no local com a namorada, Camila Silva Machado, de 18 anos. A mãe de Camila, Carmen, e o namorado dela, Geovany. 

Ele aproveitava o período de férias, como mecânico de caminhões, para conhecer a região de Capitólio. No dia do acidente, ele mandou uma mensagem de bom para a mãe com uma foto, curtindo o passeio com a namorada. 

O jovem morreu um dia antes de completar 25 anos.

  • Camila Silva Machado, de 18 anos, natural de Paulínia (SP)

 A jovem viajou junto com o namorado, a mãe e o namorado da mãe para Capitólio.

  • Carmen Pinheiro da Silva, de 43 anos, natural de Cajamar (SP)

Mãe de Camila, ela estava acompanhada do namorado, Geovany. Os pais dele, Sebastião e Marlene, e seu filho, o adolescente Geovany Gabriel também estavam na lancha. 

  • Sebastião Teixeira da Silva, de 64 anos, natural de Anhumas (SP)

Policial militar aposentado, ele estava acompanhado da esposa, Marlene, do filho Geovany e do neto. Ele era amigo de infância de Júlio. 

  • Marlene Augusta Teixeira da Silva, de 57 anos, natural de Itaú de Minas (MG) 

Dona de casa, estava junto com o marido, Sebastião, o filho Geovany e um neto na viagem.

  • Geovany Gabriel Oliveira da Silva, 14 anos, natural de Alfenas/MG

O menino estava acompanhado dos avós, Sebastião e Marlene. No sábado, ele deixou a cidade onde morava, Serrania, na região de Poços de Caldas, para fazer o passeio com a família. 

  • Geovany Teixeira da Silva, 38 anos, natural de Itaú de Minas/MG

Pai do adolescente, ele estava com os pais na viagem a Capitólio, e a namorada Marlene. 

  • Tiago Teixeira da Silva Nascimento, 35 anos, natural de Passos/MG 

Sobrinho de Sebastião e Marlene, ele acompanhava a família. 

  • Rodrigo Alves dos Anjos, 40 anos, natural de Betim/MG

Era o piloto da lancha. De acordo com a Polícia Civil, ele tinha cursos de pilotagem e tanto a licença de navegação dele, quanto as da lancha, estavam em dia. 

A filha de Rodrigo, Milena Rodrigues Alves dos Anjos, de 21 anos, disse ao UOL que o pai era um piloto experiente. Ele trabalhava há 12 anos com navegação e estava havia quatro anos atuando em Capitólo. 

O compadre Leandro Eduardo Silva, também disse que Rodrigo amava o que fazia e que pediu para trocar de lancha com outro piloto pouco antes de saírem. 

As informações são do UOL.

Ainda não se sabe o que provocou o descolamento do paredão de pedras no Lago de Furnas. Além da Polícia Civil, a Marinha informou que um inquérito será instaurado para apurar as causas do deslizamento.

O prefeito de Capitólio, Cristiano Geraldo da Silva, disse em entrevista coletiva que nunca havia ocorrido acidente como este e que não há um estudo ou análise geológica sobre os paredões. O local está interditado. 





Fonte: iBahia