Gestão financeira pessoal: planejamento faseado, contínuo e flexível


 A gestão financeira pessoal requer uma análise de fluxo que pode ser de grande valia para que você alcance suas metas, considerando a necessidade de ter uma poupança imediata.

Gestão financeira pessoal: planejamento faseado, contínuo e flexível

Muitas pessoas sabem da necessidade de uma reserva de emergência por meio de uma poupança. Entretanto, essa necessidade é negligenciada por conta de diversos fatores inerentes à vida pessoal e também por fatores externos, como a crise financeira, na qual o mercado ainda se encontra, devido a pandemia causada pelo novo coronavírus.

Todavia, não basta que você tenha consciência da necessidade de poupar algum valor, é muito importante que você crie um fluxo dentro da sua situação financeira pessoal, ainda que a sua situação não esteja favorável.

O desafio da adaptabilidade e da flexibilidade 

Você Pode Gostar Também:

Obviamente, para quem se encontra em uma situação financeira negativa, essa gestão financeira pessoal se torna um desafio. Porém, quando você abdica dessa gestão, está apenas adiando algo que deve ser feito. 

Pois uma gestão financeira pessoal se refere apenas ao registro do seu fluxo. Ou seja, quando você negligencia essa gestão, você não deixa de gastar o dinheiro da mesma forma como você está gastando hoje, apenas deixa de registrar suas ações.

Faça um mapeamento da sua situação financeira 

Por isso, faça um mapeamento da sua situação financeira e analise o caminho de cada centavo, ainda que seja um valor irrisório. Pois, você deve saber o que está sendo feito.

Posteriormente, você poderá entender o que você pode modificar na sua rotina. Certamente, se a sua situação financeira não está favorável, você poderá ter um pouco de dificuldade para economizar. Porém, você pode economizar valores baixos com foco em seus hábitos para que você possa viabilizar uma reserva de emergência por meio de uma poupança.

Faça trocas econômicas 

Por exemplo, você pode trocar o seu cartão de crédito tradicional por um cartão de crédito sem anuidade. Já que as fintechs têm uma ampla gama de serviços bancários com isenção total de tarifas.

Dessa forma, ao direcionar o valor que seria desta tarifa para a sua poupança, estará criando um caminho mental que será de grande valia para o fluxo funcional de uma gestão financeira pessoal.

Posteriormente, você poderá ajustar valores específicos para essa finalidade. Entretanto, quando você cria esse caminho, você consegue criar uma ponte eficiente entre a sua situação atual e o seu objetivo. Por isso, faça um planejamento faseado, contínuo e disciplinado, ainda que seja resolutivo apenas em longo prazo.

Está “bombando” na Internet:

Fonte: Notícias Concursos