Surto: 15 pessoas são diagnosticadas com covid-19 no Esporte Clube Vitória



O Esporte Clube Vitória suspendeu as atividades do futebol profissional na manhã desta segunda-feira (10). De acordo com informações do site Globo Esporte Bahia, o motivo foi um surto de covid-19 no elenco, incluindo jogadores, membros da comissão técnica e outros funcionários do clube. Até o momento, 15 pessoas apresentaram testes positivos para a doença, e destes, sete são jogadores.

São eles: David, Jeferson Renan, Alan Santos, Mateus Moraes, Dinei, Caique e Carlos. Na equipe técnica, foram positivados os assistentes técnicos Pedro Gama e Ricardo Silva, os preparadores Leonardo Fagundes e Rodrigo Santana, os treinadores de goleiro Itamar Ferreira e Victor Muller (da base) e Willian Jesus (do Setor de Inteligência). O diretor de futebol Alex Brasil também está infectado, de acordo com o comunicado enviado pelo clube.

Como parte do protocolo de segurança, o Vitória tem testado os jogadores desde a reapresentação. A última rodada de testes foi realizada na manhã do último domingo (9). Na semana passada, o goleiro Caíque foi diagnosticado com a covid-19. Ele estava assintomático e foi isolado até o resultado da contraprova, que deu negativo. No domingo, no entanto, foi constatado que o vírus se alastrou entre a equipe.

Esta é a última semana de preparação antes da estreia no Campeonato Baiano. O primeiro jogo do Rubro-Negro na competição estadual é no próximo domingo, contra o Juazeirense, no Barradão. De acordo com o regulamento do Campeonato Baiano, caso um clube tenha ao menos 13 jogadores inscritos com exames negativados, os jogos serão realizados normalmente.

Desde a reapresentação do elenco, na semana passada, os jogadores do Leão estavam concentrados na Chácara Vidigal Guimarães.

Confira abaixo o comunicado enviado pelo Vitória

O ECV informa que suspendeu as atividades do Futebol Profissional nesta segunda-feira (10) pois alguns atletas e membros da comissão técnica testaram positivo para a COVID-19. O departamento médico já adotou as providências preliminares, enquanto o futebol irá redefinir a programação para a semana que se inicia hoje.

Somente permanecem na chácara Vidigal Guimarães os atletas infectados e o clube já providenciou a higienização do local. 
Testaram positivo os jogadores David, Jeferson Renan, Alan Santos, Mateus Moraes, Dinei, Caique e Carlos.

Os assistentes técnicos Pedro Gama e Ricardo Silva, os preparadores Leonardo Fagundes e Rodrigo Santana, os treinadores de goleiro Itamar Ferreira e Victor Muller (da base) e Willian Jesus (do Setor de Inteligência). O diretor de futebol Alex Brasil também está infectado.





Fonte: iBahia