Férias de Bolsonaro no Réveillon custaram R$ 900 mil aos cofres públicos



Jet ski, parque de diversões e mais sete dias de pura folga: as férias do presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, custou para os cofres públicos nada mais que R$ 899,3 mil. 

A informação foi publicada pelo jornal O Globo nesta quarta-feira (23). O veículo  de comunicação obteve os dados pela Lei de Acesso à Informação. 

A viagem de férias de Bolsonaro e família coincidiu no mesmo período em que a o extremo sul da Bahia havia sido atingido pelas fortes chuvas. 

Inúmeros baianos foram afetados pela lama. Ao todo 25 pessoas morreram. O presidente foi criticado por não ter interrompido o descanso para ao menos sobrevoar as áreas atingidas.

O presidente teve de interromper a viagem na madrugada do dia 3 de janeiro para ser internado devido a uma obstrução intestinal.





Fonte: iBahia