Eliezer e Natália movimentam edredom e câmeras são cortadas: ‘Quero ficar maravilhosa’



Foto: Reprodução / Globo

Eliezer e Natália aproveitaram a liberdade no quarto Lollipop, com a saída das comadres para o Quarto do Líder e a ida, forçada, de Eslovênia para o Quarto Grunge, para movimentar o edredom mais uma vez dentro do Big Brother Brasil.

O casal entrou no clima do sexo antes mesmo da festa começar. A transa, já marcada, exigiu da dupla uma movimentação para garantir o quarto livre, sinal verde para ficarem à vontade no cômodo.

Para isso, Eli convenceu a amiga, Eslô, a mudar para o quarto Grunge, mesmo com a saudade de Lucas. A mudança fez com que a sister chorasse a noite toda, porém, escondido de todos.

Com a saída de Eslô, o casal mandou ver no Lollipop, sem medo de serem interrompidos. Eli foi em busca de um preservativo na dispensa e antes consumarem o ato, o designer questionou a Natália o motivo da bebedeira na festa.

“Por que a gente bebe tanto assim, hein? Era pra gente beber um pouquinho menos”, disse o rapaz que questionou se Natália estava bem para transar, a resposta da mineira divertiu a web: “Tô bem, mas agora eu quero ficar maravilhosa”.

A privacidade do casal foi tanta que até as câmeras do programa evitaram filmar a movimentação. Momentos após o início do sexo, o público não pôde mais ter acesso ao quarto Lollipop. Na web, o fato virou motivo de piada:

“Natália e Eli começam a se pegar no Lollipop, e a câmera vai direto para a cozinha…Se querem pornô, vão para o xvídeo. Hahahahaha”.

Leia mais sobre BBB no iBahia.com e siga o portal no Google Notícias





Fonte: iBahia