‘Salvador já teria condições de retirar máscaras’, diz Bruno Reis


Prefeito deu declaração durante evento nesta sexta-feira (25) Foto: Valter Pontes / Secom

O prefeito de Salvador, Bruno Reis, afirmou que a capital baiana já teria condições de desobrigar o uso de máscara em todos os ambientes, incluindo espaços fechados. O gestor municipal defendeu a medida e disse que o posicionamento já foi repassado para o governo estadual.

“A opinião do prefeito é que já teríamos condições de retirar as máscaras em todos os ambientes. Já passamos essa posição para o governo do Estado. Vocês sabem que tem um decreto estadual que se sobrepõe ao municipal. Mas o governo do Estado já está à vontade, já tem por parte da prefeitura autorização para retirar as máscaras. Caso o governo opte por transferir essa decisão para os municípios, como alguns estados fizeram, eu de imediato retirarei as máscaras. Não faz mais sentido, a partir do início de abril, a gente continuar ainda usando máscara”, enfatizou o prefeito durante evento na manhã desta sexta-feira (25).

Na Bahia, por decisão do governo estadual, ainda é obrigatório o uso de máscara, inclusive em locais abertos. No entanto, algumas cidades, como Vitória da Conquista, Porto Seguro, Mata de São João e Santo Antônio de Jesus já liberaram a não utilização do equipamento de proteção em espaços ao ar livre. 

O governador Rui Costa já afirmou que se o número de casos seguir caindo a obrigatoriedade em locais abertos pode ser extinta em abril. 

Leia mais sobre Salvador em iBahia.com e siga o portal no Google notícias.  





Fonte: iBahia