Falso médico é preso em flagrante enquanto realizava atendimentos no sudoeste baiano



Foto: Reprodução/Cremeb 

Um falso médio foi preso em flagrante, enquanto realizava consultas, na tarde desta terça-feira (12), no Hospital e Maternidade de Potiraguá, município no interior do sudoeste baiano. 

Identificado pelas iniciais M.A.N.S.A, o falso médico formo em medicina na Bolívia, segundo a polícia. Mas, para atuar no município sem a devida revalidação oficial, utilizava o número do CRM e nome de um médico devidamente habilitado.

O caso foi investigado pela Delegacia Regional do Conselho Regional de Medicina do Estado da Bahia (Cremeb) no sudoeste baiano, que recebeu a denúncia de atuação de um falso médico na região. Com a checagem no site do Conselho e diante da divergência entre dados e foto, a polícia deu seguimento à suspeita. 

Além da prisão do falso médico, feita pela Polícia Civil de Itapetinga e Potiraguá, também foram apreendidos carimbo e fichas de atendimento ambulatorial e emergencial de pacientes, já preenchidos, carimbados e assinados pelo investigado. O homem foi autuado pelos crimes de falsidade ideológica, exercício ilegal da medicina e falsa identidade. 

A direita da unidade médica onde o falso médico atuava confirmou que ele se identificava como médico e que utilizava a documentação falsa. Segundo o Conselho Regional de Medicina do Estado da Bahia (Cremeb), a assessoria do local procurou a Secretaria Municipal de Saúde de Potiraguá, que não respondeu ao e-mail e nem atendeu telefonema para compartilhar informações sobre a checagem de documentação do falso médico na hora da contratação. 

O Conselho Regional de Medicina do Estado da Bahia informa que abrirá sindicância para apurar se houve conivência de algum profissional médico na execução do delito e também a responsabilidade do diretor técnico hospital diante a atuação do falso médico. 





Fonte: iBahia