MCTI e FINEP: edital para o desenvolvimento do biogás e biometano


O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e a Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP) anunciam edital de R$ 20 milhões para a cadeia do biogás e biometano, de acordo com divulgação oficial realizada recentemente.

MCTI e FINEP: edital para o desenvolvimento do biogás e biometano

Empresas de diferentes portes podem participar da chamada por meio do site da FINEP/MCTI, destaca o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI).

Conforme divulgação oficial, o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e a Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP), empresa pública da pasta, realizaram na última quinta-feira (21) um webinar para apresentar a chamada pública de subvenção em biogás e biometano. 

Aprimoramento da cadeia produtiva 

Segundo destaca o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), o edital vai destinar R$ 20 milhões do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT) para produtos, processos ou serviços voltados a aprimorar a cadeia produtiva desses insumos.

As inscrições estão abertas até o dia 26 de agosto

De acordo com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), podem participar da chamada empresas de diferentes portes, sozinhas ou em conjunto. As inscrições vão até 26 de agosto e todas as informações do edital estão no site www.finep.gov.br/chamadas-publicas, de acordo com informações oficiais do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI).

Soluções de monitoramento do biogás e biometano

Cada proposta pode receber entre R$ 1 milhão e R$ 4 milhões em 5 subtemas, que incluem soluções para o pré-tratamento de biomassa; equipamentos de biodigestão; monitoramento e qualidade do biogás e biometano e insumos para biodigestão, explica a divulgação oficial. 

Combustíveis sustentáveis  

Durante o webinar, o ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações afirmou que a chamada faz parte de um trabalho da pasta para incentivar a descarbonização, combustíveis sustentáveis e energias limpas, feito também em conjunto com outras vinculadas, como o CNPq/MCTI, de acordo com a divulgação oficial do próprio Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI). 

Investimento em tecnologia e apoio ao desenvolvimento científico

Já o presidente da FINEP/MCTI destacou o papel da empresa em apoiar instituições de ciência e tecnologia e companhias no desenvolvimento científico e tecnológico do país, assim como aconselhou os interessados no edital a não deixarem as inscrições para a última hora, segundo destaca a recente divulgação oficial.

Acompanhe as políticas públicas e as diversas medidas que impactam a economia, a ciência e a sustentabilidade, visto que são assuntos relevantes para a sociedade de forma ampla no mercado atual. 

Fonte: Notícias Concursos