Brunson e Knicks vencem o Heat no Garden para forçar o jogo 6 em Miami


Jalen Brunson teve 38 pontos, nove rebotes e sete assistências durante os 48 minutos em uma performance que estendeu a temporada, e o New York Knicks bater o calor de Miami 112-103 na noite de quarta-feira no jogo 5 das semifinais da Conferência Leste.

O Knicks negou o Aquecera primeira tentativa de se tornar apenas a segunda semente nº 8 a chegar às finais da conferência e enviar a série de volta para Miami para o jogo 6 na noite de sexta-feira.

RJ Barrett somou 26 pontos e Júlio Randle teve 24 para o quinto colocado Knicks, que permaneceu vivo na esperança de chegar às finais da conferência pela primeira vez desde 2000. Eles fizeram isso vencendo o Heat em sete jogos na segunda rodada, uma possibilidade que ainda existe.

Knicks finalmente desaceleram Butler

O Knicks construiu uma vantagem de 19 pontos no terceiro quarto, então aguentou quando o Aquecer finalmente conseguiu que suas cestas de 3 começassem a cair e reduzissem para duas com 2 minutos e meio restantes.

Jimmy Butler fez 19 pontos, nove assistências e sete rebotes para o Heat, ficando abaixo dos 25 pontos pela primeira vez nesta pós-temporada. Bam Adebayo somou 18 pontos e Duncan Robinson tinha 17.

O Knicks de 1999, por enquanto, continua sendo o único No. 8 a chegar a uma final de conferência no atual formato de playoff que começou em 1984. Eles chegaram até o Finais da NBA depois de derrotar o melhor cabeça-de-chave do Heat na primeira rodada

O rali tardio do Heat é curto

O Knicks usou um par de corridas enormes na abertura do quarto – 18-2 para começar o segundo e 23-7 no terceiro – para construir uma vantagem de 73-54 no meio do terceiro quarto. O Aquecer desceu para 103-101 antes Isaías Hartenstein – no jogo porque o Heat estava intencionalmente cometendo uma falta no centro titular Mitchell Robinson – bateu em casa um follow dunk para começar Nova Iorqueé o chute final.

Quentin Grimes também foram todos os 48 minutos para o Knicks, terminando com oito pontos.





Fonte: Jornal Marca