Joana Sanz oferece primeira entrevista e detalha visitas a Dani Alves na prisão: ainda nem consegui insultá-lo


Daniel Alves está sob custódia na prisão de Brians II há vários meses, acusado de agredir sexualmente uma jovem nos banheiros de uma boate Sutton em Barcelona.

O julgamento continua e embora de tempos em tempos haja novos desdobramentos, a situação do brasileiro permanece inalterada, a fiança foi negada.

Uma das pessoas mais afetadas por tudo isso é Daniel Alves‘esposa atual, Joana Sanz.

A modelo deixou escapar em mais de uma ocasião que não está mais junto com o jogador, mas ainda não assinou os papéis do divórcio. Além disso, a modelo de Tenerife continuou a visitá-lo na prisão.

Agora, após meses de silêncio e sem responder a nenhuma das perguntas feitas pelos paparazzi, ela decidiu falar sobre seu relacionamento com Alves.

Joana Sanz respondeu a 20 perguntas feitas por Vanitatis e suas respostas serão transmitidas na terça-feira.

Joana Sanz explica a natureza das visitas para ver Dani Alves na prisão

Mas em ‘Y ahora Sonsoles’ eles conseguiram acesso antecipado a algumas dessas declarações e divulgaram várias respostas exclusivas do modelo.

Na prévia, ela detalha como são suas visitas ao presídio brasileiro.

“Eu o vejo por uma janela de vidro e falamos ao telefone, não estamos sozinhos. Há cabines transparentes nas quais, nas laterais, você tem mais pessoas que, se você falar um pouco alto, elas te ouvem”, ela explicou.

“É por isso que acho constrangedor e é por isso que ainda não pudemos falar sobre as coisas sérias que nos afetam. Ainda nem consegui insultá-lo.”

Finalmente, nacho gayque é diretor do Vanitatis e colaborador do programa, disse que o modelo respondeu a outras questões interessantes.

“Ela explica se ainda está apaixonada por Daniel Alvesse ela pretende se divorciar dele, se ela iniciou esse processo e se ela acredita na inocência de seu marido”, nacho gay detalhado.





Fonte: Jornal Marca