Bolsa Família de outubro tem aumento de R$ 50 e recordes de benefício; Confira agora


A Caixa Econômica Federal deu início, nesta quarta-feira, ao pagamento do Bolsa Família referente ao mês de outubro, trazendo novidades importantes para as famílias beneficiadas. Neste mês, o programa social inclui um adicional de R$ 50 destinado às famílias com crianças de até seis meses, juntamente com os já estabelecidos acréscimos de R$ 150 para crianças até seis anos, e R$ 50 para jovens até 18 anos e gestantes.

Com a implementação desse adicional, o valor médio do benefício atinge a cifra de R$ 688,97, marcando um dos maiores patamares da história do programa Bolsa Família. Segundo informações do Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, esse aumento tem como objetivo garantir a nutrição adequada de mães e bebês.

A decisão de adicionar R$ 50 aos repasses para famílias com bebês de até seis meses visa assegurar que as necessidades fundamentais de alimentação e cuidado estejam sendo atendidas, contribuindo para o crescimento saudável das crianças. O reforço financeiro também reflete o compromisso do governo com a promoção do bem-estar social e a redução das desigualdades no país.

Os beneficiários do Bolsa Família podem consultar as datas de pagamento e outras informações relevantes por meio do aplicativo oficial do programa, disponível para download em dispositivos móveis, bem como nas agências da Caixa Econômica Federal. Este incremento no programa Bolsa Família representa um passo significativo na direção de fornecer apoio às famílias mais vulneráveis.

Saiba como receber o acréscimo

O Bolsa Família, um dos programas sociais mais importantes do Brasil, apresenta uma nova atualização com benefícios adicionais para as famílias de baixa renda. Para receber o recém-implementado acréscimo de R$ 50 destinado a famílias com bebês de até seis meses, é necessário que as famílias atualizem o Cadastro Único (CadÚnico) com a informação do nascimento do bebê.

Além da atualização cadastral, o pagamento desse adicional está condicionado ao cumprimento do calendário de vacinação infantil e ao acompanhamento do peso e estatura do bebê por profissionais médicos do programa. Essas medidas visam assegurar não apenas o suporte financeiro, mas também o desenvolvimento saudável das crianças beneficiadas.

Desde o início de 2023, mais de 2,3 milhões de famílias ingressaram no programa, representando um avanço significativo na redução da insegurança alimentar no país. Vale também informar que somente no mês de outubro, mais de 21 milhões de famílias de baixa renda serão beneficiadas pelo programa social.

Bolsa Família de outubro tem aumento de R$ 50 e recordes de benefício; Confira agora
Bolsa Família de outubro tem aumento de R$ 50 e recordes de benefício; Confira agora


Você também pode gostar:

Calendário de pagamento do Bolsa Família

O pagamento do Bolsa Família é conduzido pela Caixa Econômica Federal, seguindo um sistema organizado de acordo com o Número de Identificação Social (NIS) dos beneficiários. Veja a seguir o cronograma de outubro:

  • NIS final 1: 18/10
  • NIS final 2: 19/10
  • NIS final 3: 20/10
  • NIS final 4: 23/10
  • NIS final 5: 24/10
  • NIS final 6: 25/10
  • NIS final 7: 26/10
  • NIS final 8: 27/10
  • NIS final 9: 30/10
  • NIS final 0: 31/10

Nos mês de outubro, parte das famílias beneficiadas pelo Bolsa Família também receberão o Auxílio Gás. É possível conferir o valor das parcelas no aplicativo Caixa TEM, disponível gratuitamente para aparelhos Android e iOS. Mais informações sobre o programa podem ser obtidas nos canais oficiais do Ministério do Desenvolvimento Social.

Siga o Notícias Concursos no Google News e receba novidades sobre Benefícios Sociais, Concursos, Empregos, Dicas e muito mais.

Participe de nosso Whatsapp e fique informado(a) em tempo real gratuitamente.



Fonte: Notícias Concursos