Novo alerta de calor intenso é emitido para esta semana. Veja estados impactados


Prepare o protetor solar. Uma nova onda de calor já está se aproximando do Brasil neste momento, e deve alcançar o solo nacional a partir da próxima quarta-feira (13). O MetSul emitiu o alerta nesta semana, e a expectativa é de que apenas alguns estados sejam afetados.

Tomando como base as informações da MetSul, a massa de ar muito quente está neste momento no norte da Argentina e do Paraguai. Assim, a tendência é que ela atinja em breve os estados brasileiros que estão localizados no Sul, no Sudeste e no Centro-Oeste do Brasil.

O calor no Rio Grande do Sul

Haverá um impacto direto nos termômetros destes estados, para além do que já é considerado normal para esta época do ano. “Os maiores desvios da climatologia histórica tendem a se dar no Sul do país, em particular no Rio Grande do Sul”, afirma a MetSul.

“O Rio Grande do Sul teve um episódio de calor muito intenso de um dia apenas no início do mês, mas não foi de grande abrangência. Desta vez, o calor forte a intenso atingirá uma área muito maior no território brasileiro, afetando diversos estados.”

Novo alerta de calor intenso é emitido para esta semana. Veja estados impactadosNovo alerta de calor intenso é emitido para esta semana. Veja estados impactados
Rio Grande do Sul acabou de passar pelos efeitos de um ciclone. Imagem: Marinha do Brasil/ Reprodução

Quando o calor começa?

Segundo as projeções do Climatempo, o calor intenso começará a ter mais força a partir da quarta-feira (13), e seguir, pelo menos, até a próxima segunda-feira (18). Em Porto Alegre, por exemplo, a expectativa é que a máxima se aproxime dos 37º C no domingo (17).

Nos próximos dias, a expectativa é de que a capital gaúcha registre muito calor, sobretudo nos períodos da tarde. De todo modo, pancadas de chuva não estão descartadas.


Você também pode gostar:

Centro-Oeste

“A tendência é que entre o final desta semana e o começo da próxima as temperaturas atinjam valores muito altos no Centro-Oeste com marcas mais comuns de se observar nos períodos mais quentes da primavera do que em dezembro, sobretudo nos estados do Mato Grosso e do Mato Grosso do Sul”, diz a MetSul.

“Máximas na casa dos 40ºC, que se tornam menos prováveis nesta época pela atmosfera mais úmida, podem ser anotadas nos dois estados do Centro-Oeste. Calor muito intenso para os padrões de dezembro pode atingir ainda o interior de São Paulo, onde também nesta época do ano a chuva habitualmente evita máximas muito altas como as da estação seca.”

Cartilha do Ministério da Saúde

Diante deste quadro de calor intenso, o Ministério da Saúde decidiu lançar recentemente uma cartilha com uma série de dicas para se proteger do calor. A pasta lembra que é impossível se livrar completamente do impacto das altas temperaturas, mas reforça que estas pequenas dicas podem fazer muita diferença no final das contas.

Segundo o Ministério, a principal dica para tentar amenizar o calor é tentar se proteger do sol, e evitar ao máximo a exposição direta aos raios solares:

  • Evite a exposição direta ao sol, em especial, de 10h às 16h;
  • Se expor ao sol sem a proteção adequada contra os raios ultravioleta deixa a pele vermelha, sensível e até com bolhas. Use protetor solar;
  • Use chapéus e óculos escuros (especialmente pessoas de pele clara);
    Proteja as crianças com chapéu de abas;
  • Use roupas leves e que não retêm muito calor;
    Diminua os esforços físicos e repouse frequentemente em locais com sombra, frescos e arejados;
  • Em veículos sem ar-condicionado, deixe as janelas abertas;
  • Não deixe crianças ou animais em veículos estacionados.

O Ministério também lembra que é muito importante manter a hidratação:

  • Aumente a ingestão de água ou de sucos de frutas naturais, sem adição de açúcar, mesmo sem ter sede;
  • Evite bebidas alcoólicas e com elevado teor de açúcar;
  • Faça refeições leves, pouco condimentadas e mais frequentes.
  • Recém-nascidos, crianças, idosos e pessoas doentes podem não sentir sede. Ofereça-lhes água.



Fonte: Notícias Concursos