BPC atualizado! Pagamentos no novo valor já começou


Iniciou-se nesta quinta-feira, dia 25, o cronograma de pagamentos do Benefício de Prestação Continuada (BPC). Os depósitos estão programados para serem concluídos até o dia 7 de fevereiro.

O benefício passou por um reajuste com base em dois índices inflacionários dos últimos anos, mantendo como referência o salário mínimo nacional.

Vale mencionar que, o reajuste anual estabelecido com base no piso nacional engloba todos os benefícios pagos pelo INSS. Mas o BPC não possui caráter previdenciário.

Afinal, o benefício é concedido pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), porém se enquadra no âmbito assistencial. Em outras palavras, que não exige contribuições prévias dos beneficiários.

Logo, se trata de um suporte destinado a pessoas específicas em situação de vulnerabilidade.

Dessa forma, a revisão e atualização periódica do benefício são fundamentais para garantir que ele permaneça alinhado com as condições econômicas do país.

Nesse contexto, o reajuste com base em índices inflacionários contribui para manter o poder de compra dos beneficiários, assegurando que o valor do BPC acompanhe as mudanças no custo de vida.

Enfim, para aqueles que já são beneficiários do programa ou estão considerando solicitar participação em 2024, reunimos informações fundamentais para esclarecer dúvidas e oferecer orientações sobre procedimentos, requisitos e atualizações relevantes.

Continue a leitura para se manter bem informado e garantir que você usufrua do benefício de forma eficaz e sem contratempos.


Você também pode gostar:

Revisão e ampliação do Benefício de Prestação Continuada (BPC) em 2024

BPCBPC
Pagamentos do BPC começarão a ser pagos em breve com valores atualizados. Imagem: G1.

No presente ano, a revisão do Benefício de Prestação Continuada (BPC) para 2024 adotou uma abordagem baseada em dois importantes índices inflacionários.

O governo optou por incorporar à política de valorização do salário mínimo não apenas a inflação do ano imediatamente anterior (2023), mas também o desempenho do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos anteriores (2022).

Em decorrência dessa estratégia, observou-se um incremento significativo de 6,97% em comparação com o salário do ano anterior.

Assim sendo, a partir deste mês de janeiro, os 5,7 milhões de beneficiários do BPC começam a receber um valor reajustado, estabelecendo o novo patamar do benefício:

  • Salário do BPC em 2024: R$ 1.412,00.

Observação sobre a redução do BPC em 2024

Cabe ressaltar que o valor do BPC quantia sofrerá redução apenas para aqueles que optarem por contrair ou já possuem empréstimos consignados.

Assim, nessa modalidade de crédito há um desconto de até 35% do auxílio para o pagamento das respectivas parcelas.

Os aposentados do INSS que recebem um salário mínimo enfrentam um aumento no valor máximo comprometido com as parcelas do empréstimo consignado, passando de R$ 462 para R$ 494,20.

É importante mencionar o porque dessa alternativa de crédito ser tão vantajosa, em alguns casos.

Dessa forma, o empréstimo consignado, que oferece os menores juros devido ao desconto direto nas folhas de pagamento ou aposentadorias, proporciona segurança às instituições financeiras.

Os idosos do INSS podem aproveitar taxas atrativas, com o teto para empréstimos consignados convencionais sendo de 1,76% ao mês. Para cartão de crédito e cartão consignado de benefícios, a taxa máxima é de 2,61% ao mês.

De acordo com as regras atuais, os idosos, diferente de quem recebe o BPC, têm a capacidade de comprometer até 45% do benefício.

Este é distribuídos da seguinte forma:

  • 35% para contratar empréstimo pessoal consignado;
  • 5% para o cartão de crédito consignado e 5% para o cartão consignado de benefício.

Por fim, vale ressaltar que os idosos do INSS contam com uma medida de proteção que consiste no bloqueio de qualquer benefício recém-concedido para empréstimos nos primeiros 90 dias.

Você pode se interessar em ler também:

Calendário de pagamentos do Benefício de Prestação Continuada em janeiro:

Último Número do Benefício Data de Pagamento
Final 1 25 de janeiro
Final 2 26 de janeiro
Final 3 29 de janeiro
Final 4 30 de janeiro
Final 5 31 de janeiro
Final 6 1 de fevereiro
Final 7 2 de fevereiro
Final 8 5 de fevereiro
Final 9 6 de fevereiro
Final 0 7 de fevereiro

Os pagamentos do Benefício de Prestação Continuada (BPC) são realizados ao longo de pelo menos dez dias úteis. Os segurados devem aguardar o depósito em suas contas, efetuado pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Cada dia útil contempla um novo grupo de beneficiários, sendo a divisão realizada com base no último número que antecede o hífen no número do benefício.

Para consultar o valor e a data de saque, os beneficiários podem utilizar a opção “Extrato de Pagamentos”, disponível no portal Meu INSS.



Fonte: Notícias Concursos