Saque em 2024: saiba se você tem valores a receber de bancos, pelo CPF ou até pela conta corrente de um parente falecido


Uma das coisas mais empolgantes é encontrar dinheiro esquecido, não é mesmo? E acredite, existem bilhões de reais perdidos por aí, esperando seus donos. De acordo com o Banco Central, até o final de novembro, havia R$ 7,51 bilhões em recursos esquecidos no sistema financeiro, registrados no Sistema de Valores a Receber (SRV). Esses valores disponíveis estão para saque imediato em 2024. No entanto, muitas pessoas não têm conhecimento desses valores e acabam perdendo a oportunidade de ganhar o dinheiro. Neste artigo, vamos te mostrar como descobrir se você tem valores a receber e como fazer para resgatá-los.

O que são valores a receber?

Valores a receber são recursos financeiros que estão disponíveis para saque, mas que por algum motivo não foram resgatados pelos seus donos. Esses valores podem ser provenientes de contas bancárias encerradas, contas de pagamento, consórcios, tarifas indevidas, entre outras fontes. O Banco Central é responsável por registrar e disponibilizar esses valores no Sistema de Valores a Receber (SRV), facilitando assim o processo de consulta e resgate.

Consulta de valores a receber pelo CPF

Se você deseja descobrir se tem valores para receber pelo seu CPF em 2024, o processo é bastante simples. Basta acessar o site do Banco Central, por meio do endereço valoresareceber.bcb.gov.br, utilizando um computador, tablet ou smartphone. No sistema, você poderá realizar uma consulta informando seu CPF e seus dados de nascimento. Além disso, herdeiros, testamentários, inventariantes ou representantes legais de pessoas falecidas também podem fazer a consulta.

O passo a passo para consultar se você tem valores a receber pelo CPF é o seguinte:

  1. Clique em “Consulte valores a receber”.

  2. Selecione o campo CPF.

  3. Digite seu CPF.

  4. Digite sua data de nascimento.

  5. Transcreva os caracteres que aparecem na imagem e clique em “consultar”.

  6. Aguarde a resposta do sistema para saber se há valores esquecidos em seu nome.

Caso existam valores a receber, você poderá fazer a solicitação do valor logo em seguida.

Consulta de valores a receber de parentes falecidos


Você também pode gostar:

Além da consulta de valores a receber pelo CPF, é possível verificar se algum parente falecido deixou valores a receber. Até dezembro, havia mais de R$ 2 bilhões em dinheiro esquecido em contas bancárias, consórcios e outras instituições financeiras de pessoas que já faleceram. Para saber se o parente falecido tinha algum valor a receber e como resgatá-lo, siga o passo a passo a seguir:

  1. Descubra se existe valores a resgatar: Para fazer a consulta, é necessário ter em mãos o CPF e os dados de nascimento da pessoa falecida.

  2. Acesse o SRV: Caso a consulta inicial identifique que há algum valor em nome do falecido, acesse o link disponibilizado pelo Banco Central.

  3. Faça o login: Para saber se você tem valores a receber, faça o login utilizando sua própria conta gov.br. É importante ressaltar que o nível da conta gov.br precisa ser prata ou ouro devido ao sigilo bancário.

  4. Escolha a opção “Valores para Pessoas Falecidas”: Dentro do sistema, selecione essa opção para obrigação com a consulta.

  5. Informe os dados do falecido: Digite o CPF e os dados de nascimento da pessoa falecida.

  6. Leia e aceite o Termo de Responsabilidade: Antes de obrigação, é necessário ler e aceitar o Termo de Responsabilidade de consulta a dados de terceiros. Lembre-se de que é preciso ser herdeiro, testamentário, inventariante ou representante legal para acessar os dados da pessoa falecida.

  7. Confira os dados: Após aceitar o termo, o sistema irá exibir o nome e os dados de contato da instituição responsável para devolver o valor, a origem do valor a receber e a faixa do valor a receber.

  8. Entre em contato com a instituição: Procure diretamente uma instituição para obter informações sobre a documentação necessária para receber o valor da pessoa falecida. O Banco Central não recebe nem análises de documentos de pessoas falecidas, nem recebe pedidos de valores a receber por outros meios.

  9. Visualize o comprovante: Caso deseje, é possível exibir o comprovante que contém as informações do valor a receber em nome da pessoa falecida. Você pode salvar, imprimir ou compartilhar o comprovante pelo computador ou celular.

Como funciona o Fundo Garantidor de Créditos (FGC)

Em casos de falência, recuperação judicial ou fechamento de um banco, é comum surgirem dúvidas sobre o resgate do dinheiro. No entanto, existe uma garantia de segurança fornecida pelo Fundo Garantidor de Créditos (FGC). O FGC é uma entidade privada, sem fins lucrativos, que tem como objetivo proteger os depositantes e investidores, garantindo o ressarcimento de até R$ 250 mil por CPF e por instituição financeira em caso de intervenção ou liquidação extrajudicial.

Daniel Lima, diretor executivo do FGC, explica que o Fundo atua como um seguro para os correntistas e investidores, garantindo a devolução do valor investido em caso de problemas com a instituição financeira. Porém, é importante ressaltar que existem regras e limites para a cobertura do FGC.

Conclusão

Descobrir se você tem valores para receber em 2024 pode ser uma ótima oportunidade para recuperar dinheiro esquecido. Através do SRV do Banco Central, é possível realizar consultas tanto pelo CPF quanto em nome de parentes falecidos. É importante estar atento a essas possibilidades e não deixar que valores esquecidos fiquem perdidos no sistema financeiro. Além disso, em casos de problemas com instituições financeiras, o Fundo Garantidor de Créditos (FGC) atua como um seguro, garantindo a devolução do valor investido. Não deixe de aproveitar essa oportunidade e descubra se você tem valores a receber em 2024.



Fonte: Notícias Concursos