Barcelona derrota Osasuna e Vitor Roque marca seu primeiro pelo Blaugrana


Xavi Hernández está percorrendo um longo caminho até a saída do Camp Nou no final da temporada, mas até esse ponto ele tem um trabalho a fazer.

Barcelona preciso terminar no Liga dos Campeõese vagas pelos benefícios financeiros de estar na competição, e um Vitória por 1 a 0 sobre o Osasuna na noite de quarta-feira foi o resultado perfeito.

Xavi Hernndez anuncia que deixará o FC Barcelona em 30 de junhoTwitter

Depois que a notícia da saída do treinador foi oficializada Equipe sênior do Barcelona procuraram focar nos resultados, apesar de haver preocupações crescentes sobre a situação financeira da equipe no futuro.

Dito isto, a vitória por 1-0 sobre o Osasuna foi bem merecida, já que o Barcelona teve 16 remates e 67 por cento de posse de bola, apesar de ter marcado apenas um golo.

Quem marcou o gol da vitória do Barcelona?

O Osasuna começou o jogo de forma brilhante e teve um pênalti rejeitado aos 26 minutos, com o árbitro deixando claro que a cobrança de um atacante era justa.

Ilkay Gundogan então criou uma chance para Jules Koundé de escanteio bem cobrado, mas o zagueiro francês cabeceou por cima da trave.

Ante Budimir então desperdiçou uma chance de ouro de dentro da pequena área. Ele foi o primeiro a recuperar de um chute defendido, mas acenou com a cabeça para longe do poste esquerdo.

Preso depois teve outra oportunidade de cabeça a 12 metros, mas se esforçou demais mais uma vez e passou pela trave.

A frustração foi crescendo à medida que o segundo tempo avançava, no entanto Barcelona gradualmente empilhados sobre a pressão.

Eventualmente valeu a pena como Vitor Roque anunciou-se aos adeptos do Barcelona.

O brasileiro foi encontrado dentro da grande área por Joao Canceloe a contratação de janeiro marcou seu primeiro gol pelo clube com uma cabeçada à queima-roupa.

Poucos minutos depois do gol inaugural, o Osasuna foi forçado a jogar o resto da partida com 10 jogadores, Unaí Garcia recebeu o segundo cartão amarelo por uma falta desleixada.

Lamine Yamal então forçou uma forte defesa de duas cabeças de Ator Fernandez faltando 19 minutos para o fim, tudo antes de outro pênalti ser rejeitado, desta vez do Barcelona.

Os donos da casa conseguiram segurar a vitória e somar mais três pontos cruciais.





Fonte: Jornal Marca