Renato Moicano comemora pai de 62 anos tendo filho e anuncia planos da SWAT em discurso selvagem pós-luta


Renato Moicano adora roubar a cena no octógono e fazer o mesmo depois quando tem um microfone na frente do seu rosto.

O brasileiro se autodenominou “Money Moicano” em uma memorável entrevista pós-luta após sua luta anterior, e fez outra promo inesquecível após sua última vitória sobre Drew Dober no co-evento principal do UFC Vegas 85.

Antes que o comentarista colorido do UFC Daniel Cormier pudesse fazer qualquer pergunta, Moicano revelou que acabara de se tornar irmão novamente, comemorando o nascimento de outro filho do pai na véspera da luta de sábado.

“Meu pai tem 62 anos e teve um filho ontem”, gritou Moicano. “Vou dizer a ele amanhã, quando chegar em casa, que vou engravidar minha esposa em outra hora. Porque se a porra do meu pai, de 62 anos, pode povoar o mundo, eu também posso! ‘Dinheiro Moicano’ [the third] está vindo.”

Se isso não bastasse, Moicano voltou sua atenção para um futuro além da luta, expressando seu desejo de ajudar a limpar as ruas dos EUA

Moicano atualmente mora na Flórida, treinando no American Top Team em Coconut Creek. Parece que ele está determinado a ganhar a cidadania e espera eventualmente ingressar na polícia assim que sua carreira no UFC terminar.

“Eu amo a porra da América”, disse Moicano. “Não sou americano, mas serei. Meu green card é de três anos, em dois anos serei um americano de merda. Depois que terminar a luta, servirei como policial.

“Quero fazer parte da equipe SWAT e quero matar os bandidos. Não se engane, existe o certo e existe o errado e as pessoas estão se esquecendo disso. As pessoas estão ficando loucas!

“É por isso que quero mais filhos, quero que as pessoas vão à igreja, quero que as pessoas respeitem a porra da lei, porque senão o maior país do mundo será um país do terceiro mundo. Eu não quero essa merda. Algo está errado na América, e eu quero que o filho da puta conserte isso agora mesmo!.”

Depois de homenagear seu viril pai e proclamar que quer acabar com os bandidos da América, Moicano finalmente voltou sua atenção para a luta e a vitória sobre Dober. Ele primeiro criticou uma personalidade online que o atacou na luta, mas depois deu crédito a Dober como um dos homens mais perigosos do UFC.

“Sou um dos maiores fãs de Drew Dober”, disse Moicano. “Quando eu estava [145 pounds]eu vi aquele cara nocauteando outras pessoas e disse ‘Estou feliz por não estar [155]. Hoje, acabei de vencer o filho da puta. Enorme e louco respeito por Drew Dober.”

Moicano não compareceu à coletiva de imprensa pós-luta, exigindo uma ida a um hospital local em Las Vegas para levar pontos em um corte feio que se abriu após um choque acidental de cabeças em sua luta.

Em vez disso, ele simplesmente transmitiu ao vivo em seu próprio canal no YouTube e continuou conversando e interagindo com os fãs. Ele então voltou às redes sociais enquanto aguardava tratamento no hospital e até conseguiu postar uma foto com Dober após a guerra de três assaltos.

Ele também respondeu a Conor McGregor no Twitter depois que o astro irlandês deu uma palavra de parabéns ao veterano Sr. Moicano ao dar as boas-vindas a outro bebê.

Moicano também finalmente deu a entender o que vem a seguir, sugerindo um confronto contra Beneil Dariush quando o UFC retornar ao Brasil, em maio.

“Beneil Dariush, vejo você no Brasil”, escreveu Moicano. “Se você apoia ‘Merica, retweete essa merda e marque o filho da puta do UFC.”





Fonte: mma fighting