Canteiro de obras da ponte Penedo-Neópolis é instalado em Alagoas

O mais importante investimento em infraestrutura para desenvolver a região do Baixo São Francisco já tem o seu canteiro de obras. Nesta terça-feira, 14, o Consórcio Penedo-Neópolis recebeu a licença ambiental da Prefeitura de Penedo para construir a nova ponte entre Alagoas e Sergipe.

Orçada em duzentos e dois milhões de reais, a estrutura será erguida entre Penedo-AL e Neópolis-SE com recursos do governo federal e vai gerar cerca de duzentos empregos diretos no canteiro de obras do consórcio formado pelas empresas Arte Leste e A. Gaspar. 

“Este é um sonho de várias gerações de penedenses, de neopolitanos, de alagoanos e sergipanos. Eu lembro do meu pai, Hélio Lopes, como deputado estadual, lutando por essa ponte junto aos deputados federais e senadores”, comentou o Prefeito Ronaldo Lopes sobre um pleito antigo atendido quando o atual Ministro dos Transportes, Renan Filho, exercia seu mandato de deputado federal.

“Nós conversamos e ele nos motivou a iniciar o trabalho para fazer acontecer a ponte Penedo-Neópolis. Renan Filho colocou metade dos recursos para o projeto elaborado pela Codevasf e o senador Renan Calheiros destinou a outra metade”, explica o gestor penedense sobre a iniciativa atualizada pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT).

Uma década depois do esforço coordenado por Ronaldo Lopes, as obras da sonhada ponte Penedo-Neópolis começam, iniciando com a instalação da usina de concreto que vai ser usado nos serviços e ainda do setor administrativo, refeitório e carpintaria do consórcio formado pelas empresas vencedoras da licitação.

O canteiro de obras fica em área da Fazenda Ilha das Ervas, situada em Penedo, entre a margem do Rio São Francisco e a Estrada Euclides Idalino.

“Em alguns momentos para definir o local exato onde seria o canteiro das obras, e após longas tratativas, deu tudo certo e a gente teve um final feliz. Realmente aqui é o lugar apropriado, bem próximo de onde a ponte vai ser construída”, afirma André Paes, superintendente do DNIT em Alagoas, destacando o envolvimento direto de mais penedenses no empreendimento.

“A gente indicou para fiscalizar a obra uma comissão composta por três fiscais, todos cidadãos penedenses. Então foi uma forma de homenagear tanto o município de Penedo, como os nossos servidores, todos experientes e capacitados para uma obra dessa magnitude”, acrescenta André Paes.

Ainda segundo o superintendente estadual do DNIT, a ponte Penedo-Neópolis deve começar a ser erguida entre o final de julho e o início de agosto. De imediato, a partir da próxima semana, o canteiro de obras ocupa seu espaço e para isso, o consórcio está recebendo currículo para seleção de trabalhadores, entre eles pedreiro, servidor de pedreiro, carpinteiro, eletricista e vigilante.

Os interessados devem ir até o escritório que funciona em imóvel situado na Rua João Ramalho (confira na foto abaixo), próximo do Clube Filarmônica, ou pelo contato 41 98867-2239. 

O presidente da Câmara Municipal de Penedo, vereador Manoel Messias Lima (Messias da Filó), acompanhou a agenda de trabalho.

“Depois de tantos anos, tantas promessas, tanta história, nós temos a felicidade de ver que o caminho do desenvolvimento está chegando no nosso município e só temos que agradecer a Deus e ao empenho de todas as pessoas de boa vontade que contribuíram para que pudéssemos chegar neste dia”, disse o parlamentar, enfatizando a geração de emprego em Penedo e a consequente circulação de renda.

O prefeito de Neópolis, Célio de Zequinha, acompanhou toda a programação, sendo recebido inicialmente no gabinete do Prefeito Ronaldo Lopes, satisfeito com o empreendimento que beneficia as cidades unidades pelo rio São Francisco.

Secretários municipais e servidores públicos também integraram a comitiva durante a visita feita na manhã de hoje, juntos com a vereadora Raquel Tavares e dos vereadores Bili Marques, Derivan Thomaz, Valdinho Monteiro, Júnior do Tó, Irmão João, Marcelo Pereira, Sargento Marival e Rodrigo Regueira.

Texto Fernando Vinícius 

Fotos Deywisson Duarte e Ricardo Alves (drone)