McLaren revela pintura em homenagem a Ayrton Senna para GP de Mônaco


A McLaren revelou o esquema de pintura verde, amarelo e azul que usará no Grande Prêmio de Mônaco como uma homenagem a Ayrton Senna.

O carro da McLaren terá o novo visual, bem como o logotipo “Senna” na asa traseira e em ambos os lados da asa dianteira, durante o fim de semana de Monte Carlo.

– Unlapped: como ouvir ou assistir ao programa de F1 da ESPN

A pintura comemorará o legado de Senna 30 anos depois de sua morte em um acidente no Grande Prêmio de San Marino de 1994. Senna é o piloto de maior sucesso da McLaren, tendo vencido todos os três campeonatos mundiais (em 1988, 1990 e 1991) com a equipe.

Embora houvesse especulações de que a McLaren voltaria ao famoso branco e vermelho da era de Senna com a equipe, ela optou por um esquema que incorporava as cores da bandeira brasileira que Senna carregava consigo em seu capacete de corrida. O design permitiu à McLaren manter sua tradicional cor mamão na asa dianteira, antes que ela voltasse ao amarelo ao longo do carro.

O legado de Senna continua sendo um dos mais fortes da F1 atualmente – há muitas pessoas associadas ao esporte que o consideram o maior piloto da história do campeonato.

O tetracampeão mundial Sebastian Vettel prestou homenagens a Senna antes da corrida em Ímola na semana passada, que incluiu um show pré-corrida no carro de 1993 do brasileiro.

Os pilotos da McLaren, Lando Norris e Oscar Piastri, têm a chance de defender um dos recordes de Senna com a pintura especial de Mônaco.

Max Verstappen igualou as oito pole positions consecutivas de Senna em Ímola na semana passada, o que significa que ele está a apenas um de bater o recorde.

McLaren e Ferrari estão esperançosos de levar a luta para a Red Bull no apertado e sinuoso circuito de Monte Carlo.



Fonte: Espn