Man City não está de olho em transferências para defesa da Premier League, diz fonte


O Manchester City está preparado para entrar na próxima temporada com o mesmo time que conquistou o quarto título consecutivo da Premier League e pode não fazer uma grande contratação no verão, a menos que um jogador peça para sair, disse uma fonte à ESPN.

Com dúvidas sobre o futuro de vários jogadores importantes, incluindo Kevin De Bruyne, Bernardo Silva e Éderson, os treinadores do City mantêm a mente aberta sobre o seu negócio de transferências de verão.

No entanto, uma fonte disse à ESPN que, a menos que um jogador peça para deixar o Etihad Stadium e sua avaliação seja atendida por outro clube, é possível que Pep Guardiola inicie a nova campanha com o mesmo elenco da temporada passada.

Fontes disseram à ESPN que, até o momento, De Bruyne, Silva e Ederson não indicaram ao clube que desejam sair.

O City, segundo fontes, busca garantir transferências para João Cancelo e Kalvin Phillips neste verão, depois que os dois foram emprestados ao Barcelona e ao West Ham United na temporada passada.

A cidade considerará acordos de empréstimo, mas a preferência é por transferências permanentes. Caso eles saiam, fontes disseram à ESPN que não precisariam ser substituídos. Everton é um dos clubes interessados ​​em Phillips

Fontes disseram à ESPN que o City tem interesse em Bruno Guimarães, do Newcastle, e que o brasileiro será considerado caso um meio-campista – De Bruyne, Silva ou Matheus Nunes – peça para sair.

No entanto, fontes disseram à ESPN que o City não avalia Guimarães em £ 100 milhões (US$ 126,7 milhões) – a cláusula de rescisão de seu contrato com o Newcastle.

O Newcastle quer manter o jogador de 26 anos e qualquer clube que queira acionar a cláusula tem até o final de junho.

“Ter isso [cut-off point] foi bem planejado e estruturado no sentido de que há um ponto final”, disse o técnico do Newcastle, Eddie Howe, no mês passado.

“Não queremos um verão de especulações. Não acho que isso seria saudável para o jogador ou para nós.”



Fonte: Espn