Lionel Messi maravilhado com retorno da Argentina à final da Copa América


Lionel Messi disse que ficou impressionado depois que a Argentina e parte da “velha guarda” restante derrotaram o Canadá por 2 a 0 no MetLife Stadium em East Rutherford, Nova Jersey, para se classificar para a final da Copa América de 2024.

Messi marcou seu primeiro gol na Copa deste ano e o 14º de sua carreira no segundo tempo, dobrando a vantagem que Julián Álvarez deu à Argentina com seu gol no primeiro tempo.

“O que esta seleção fez, o que a seleção argentina fez, porque depois disso todo mundo dá mais importância a todas as finais que eu e os ‘caras mais velhos’ jogamos”, disse Messi após a partida. “Eu, Fide [Ángel Di María]Ota [Nicolás Otamendi] e que a Argentina possa jogar outra final é incrível.

“Para ser honesto, foi um torneio difícil, o nível tem sido o mais igual de sempre, superfícies muito ruins, altas temperaturas que dificultam o jogo, rivais muito difíceis. Então, o fato de termos conseguido e estarmos aqui novamente jogando uma final é algo para aproveitar e destacar.”

A Albiceleste retorna à final do torneio pela segunda vez consecutiva, após participar da edição de 2021, e está prestes a conquistar o 16º título da Copa América do país — o que os colocaria à frente do Uruguai na história.

O técnico da Argentina, Lionel Scaloni, expressou entusiasmo por chegar a esse ponto da competição, antes de alertar sobre as dificuldades que a Argentina terá pela frente.

“É algo para se orgulhar e agradecer aos jogadores”, disse Scaloni. “Ontem, um colega me perguntou se normalizamos isso, mas a pergunta foi boa e não fui claro. É superdifícil estar em uma final, especialmente vindo do jeito que fizemos com sucesso e triunfo anteriores. É duplamente difícil.

“Quem está lá dentro sabe o quanto é difícil chegar até aqui. É uma sensação de felicidade, mas também de preocupação, porque custa mais caro.”

A Argentina liderou o Grupo A ao derrotar Canadá, Chile e Peru, antes de derrotar o Equador em uma disputa de pênaltis para chegar à semifinal. Messi & Cia. despacharam o Canadá na semifinal pelo mesmo placar que fizeram na fase de grupos, 2 a 0, para colocar o time na final.

Agora, a Argentina se prepara para enfrentar Uruguai ou Colômbia no que pode ser o jogo final para Di María e Messi.

“Você sabe como eu penso: Nós esperamos e vemos como ele joga”, disse Scaloni sobre Di María. “Não vamos aposentá-lo antes do jogo, então as lágrimas começarão e todos, sua família, ficarão melancólicos. Veremos mais tarde se o convencemos ou não, mas por enquanto o deixamos jogar.

“É o mesmo caso do Messi. Nós os deixamos tranquilos da nossa parte, não seremos nós que fecharemos a porta para eles. Ele pode ficar conosco até quando quiser, e mesmo depois que se aposentar pode se juntar a mim se eu ainda for treinador. E se não, eu o levarei para onde eu for. Ele seria uma grande ajuda.”

A Argentina viajará para Miami, Flórida — onde Messi joga pelo Inter Miami CF — para jogar a partida final no Hard Rock Stadium em 14 de julho.

Informações da Associated Press foram usadas nesta história.



Fonte: Espn