O CEO do UFC, Dana White, deve apresentar Donald Trump na Convenção Nacional Republicana


Dana White está mais uma vez se manifestando para apoiar seu amigo de longa data Donald Trump.

Espera-se que o CEO do UFC apresente Trump quando ele aceitar sua indicação para concorrer à presidência na Convenção Nacional Republicana em Milwaukee na quinta-feira, 18 de julho.

O Wall Street Journal foi o primeiro a relatar a notícia citando autoridades de campanha da equipe de Trump.

Esta será a terceira aparição de White falando por Trump antes de uma eleição, depois de ter comparecido às Convenções Nacionais Republicanas de 2016 e 2020.

Embora White insista que não se envolve muito em política, ele se tornou um aliado constante de Trump, frequentemente o convidando para eventos do UFC, onde ele se senta ao lado do octógono para aproveitar as lutas.

O relacionamento de White com Trump remonta a décadas depois que o ex-presidente deu ao UFC uma casa em suas arenas em Nova Jersey, quando a promoção estava lutando para encontrar alguém disposto a fazer negócios com eles. O chefe do UFC frequentemente faz referência a esse relacionamento sempre que discute apoiar Trump e sua candidatura à presidência.

White até fez um vídeo para Trump que o ajudou a conhecer o TikTok depois que ele criou uma conta após um evento do UFC do qual participou.

Sua lealdade a Trump se estendeu até mesmo a negócios com o UFC depois que White revelou que atacou um patrocinador que pediu que ele removesse uma publicação nas redes sociais mostrando apoio ao ex-presidente.

“Postei um vídeo para Trump na minha mídia social pessoal”, disse White em novembro passado. “Um dos nossos grandes patrocinadores ligou e disse: ‘Tire isso do ar.’ Sabe o que eu disse? Vá se f*der.

“Você vota em quem você quiser votar, e eu voto em quem eu quiser votar. É assim que funciona. Eu nem ligo em quem você está votando. Não é da minha conta, porra. Foda-se. Nunca me ligue e me diga em quem votar.”

White agora coloca seu apoio a Trump no palco principal da Convenção Nacional Republicana ao apresentá-lo pouco antes de ele se tornar oficialmente o indicado para a eleição de 2024.



Fonte: mma fighting