Ator de Chiquititas é executado e tem pai e mãe mortos também

Uma tragédia sem limites para família de Rafael Miguel, que interpretou o personagem Paçoca na novela Chiquititas no SBT.

Neste domingo, 09 de junho, morreu o ator Rafael Miguel, de apenas 22 anos. Ele acabou sendo assassinado juntamente com toda sua família em São Paulo. A trágica notícia foi informada por meio do apresentador da Record, Luiz Bacci. O artista ficou conhecido nacionalmente por conta do comercial “mãe, compra brócolis” e também devido a sua participação na novelinha do SBT, Chiquititas com o personagem Paçoca.

Segundo informações do jornalista, a execução do ator de Chiquititas ocorreu quando ele estava chegando na casa da namorada. O suspeito dos assassinatos seria o próprio pai da menina. Nas redes sociais de Rafael Miguel várias fotos dele acompanhado da amada estão presentes. Maiores informações ainda não foram divulgadas pela polícia.

Na redes sociais, alguns companheiros de trabalho da emissora já comentaram sobre a trágica morte do ator. “A intolerância tá banalizando a vida. o que seria um discussão verbal virou morte simplesmente pq o cara tinha uma arma em casa e na hora da raiva fez o que não devia…até qd?”, disse Raissa Chaddad que também fez Chiquititas.

“O Rafael era uma das pessoas mais doces que eu já conheci, desde criança, e meu coração está doendo muito por receber essa notícia. Eu não sei nem o que dizer sobre essa violência toda, a vida do meu amigo foi tirada dele. Meus sentimentos aos familiares”, escreveu Giovanna Grigio, a Mili, em seu Twitter.

É válido mencionar que o ator intérprete do personagem Paçoca sofria de depressão e já havia dito para namorada, com quem estava junto há nove meses, que ela havia sido a responsável para que ele se livrasse da grave doença. Rafael Miguel fez sucesso no começo dos 2000 em um comercial no qual aparecia fazendo um escândalo num supermercado. Além dos comerciais e de atuar na trama do SBT, ele também fez participações em filmes.