Seria mesmo verdade que a atual formação da teriam discutido entre eles?

Um vídeo tem circulado há alguns dias mostrando uma “discussão” entre os integrantes da banda de forró, Calcinha Preta. Nas imagens mostram Daniel Diau, Silvânia Aquino, Bell e Ana Gouveia fazendo algo, digamos, que coloca uma dúvida sobre harmonia do grupo.

Confira as imagens que estão circulando no Whatsapp e tire suas próprias conclusões:

No vídeo você percebe uma certa animosidade entre os integrantes da banda, não é mesmo? Mas seria verdade que os componentes da banda Calcinha Preta brigaram no palco?

Não é de hoje que a banda troca de formação. Vários cantores do país já passaram pelo grupo de forró sergipano que estourou nos anos 90 e 2000. Há rumores que brigas internas afastaram por muitos anos alguns cantores, e motivados pelos fãs eles retornaram a banda.

No começo do vídeo observamos que Silvânia Aquino teria falado que ela quem deveria cantar a próxima musica, pois a mesma foi a quem gravou primeiro no CD volume 9. Já Ana Gouveia alegou que cantaria a música, pois foi com a voz dela que o single musical estourou no Youtube com mais de 1 milhão de visualizações. Após uma pequena discussão o vídeo é encerrado no Whatsapp.

Buscamos o vídeo verdadeiro, na íntegra e descobrimos que nada passou de uma brincadeira para descontrair quem achava que tinha alguma desunião entre os vocalistas da banda Calcinha Preta. No decorrer do vídeo elas começam a cantar, estilo “duelo de mc’s” e visivelmente podemos constatar a peça em que os artistas pregaram nos fãs que assistiam ao vivo e também nos que repercutiram o vídeo pela metade em toda a internet.

“Gente isso aqui é uma apenas brincadeira…..”
“Realmente é uma honra pra gente ver uma nova geração, uma nova Calcinha Preta…”
“Eu acho quem ganha é o forró, quem ganha são vocês…”

Veja as imagens na íntegra:

CONCLUSÃO

Foi tudo armado, eles só estavam pregando uma peça no público. Alguém pegou só a parte da discussão de mentirinha e jogou nas redes sociais, ocultando todo o resto do vídeo.