Prefeitura de Penedo adota medidas sobre transporte de passageiros durante pandemia

Ônibus param de circular e mototaxis cadastrados na SMTT podem fazer delivery

A pandemia do (Covid-19) obrigou a a promover mudanças temporárias no transporte de passageiros. O sistema coletivo e o de mototaxi estão suspensos, e os taxistas só podem levar um passageiro, sendo permitido dois quando for acompanhante de pessoa em tratamento médico.

As medidas evitam a propagação do coronavírus, principalmente nos ônibus que já estavam circulando com metade da lotação para passageiros sentados. No caso dos taxistas, a redução de pessoas dentro do carro é mais uma ação de combate ao Covid-19, mantendo-se a obrigatoriedade de higienização das maçanetas internas e externas do veículo.

Sobre os mototaxis, o uso do mesmo capacete por passageiros diferentes aumenta o risco de contaminação. A princípio, haveria a substituição do equipamento de segurança obrigatório, conforme rege o Código de Trânsito Brasileiro, por capacete modelo jet, do tipo que deixa o rosto descoberto.

Como os permissionários não conseguiram se adequar à medida direcionada aos passageiros e o momento atual exige ações imediatas de combate ao coronavírus, o serviço de mototaxi está suspenso em Penedo.

Para evitar que os trabalhadores autorizados pela Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) fiquem sem renda, o governo Marcius Beltrão/Ronaldo Lopes propõe que os empresários da cidade utilizem os credenciados para fazer a entrega de encomendas.

Para facilitar o acesso à relação dos cadastrados na SMTT, o órgão municipal de controle e fiscalização do trânsito encaminhou a lista para a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdetur), pasta que repassou a informação aos empresários.

A lista é dividida divulga nome, telefone para contato e o ponto de trabalho do mototaxi, dados expostos nos cards distribuídos nas redes sociais e em grupos de Whatsapp.

Fernando Vinícius – jornalistas Decom PMP

Comentários