28.9 C
Penedo
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Concurso PC MT 2021: Governador confirma edital no segundo semestre


É grande a expectativa de abertura do novo edital de concurso público da Polícia Civil do Mato Grosso (Concurso PC MT 2021). De acordo com informações do Governador do Estado, Mauro Mendes, um novo edital será publicado no segundo semestre.

Segundo informações do chefe do executivo estadual, o edital da PC-MT será publicado no segundo semestre deste ano. De acordo com ele, foi possível construir um equilíbrio fiscal e agora o orçamento não é mais um problema. Serão realizados todos os concursos da Segurança, inclusive o da Polícia Civil.

“Tínhamos limitações, por questões orçamentárias, não podíamos contratar para não aumentar despesa com pessoal. Mas, graças a Deus e a todo o trabalho que foi feito, nós construímos novamente o equilíbrio fiscal de Mato Grosso. E a boa notícia é que no segundo semestre deste ano nós vamos soltar um novo concurso”, disse.

O quantitativo de vagas e os cargos que serão ofertados no concurso da PC-MT ainda não foram revelados.

O anúncio de abertura do concurso aconteceu durante vistoria e entrega de obras em Lucas do Rio Verde, no início de agosto.

“Nós tínhamos um planejamento, primeiro de organizar e melhorar os equipamentos, viaturas, armamento. Agora estamos mexendo na infraestrutura e, o último passo, é a realização do concurso público. Para nós, para nossa tropa que é tão aguerrida, são investimentos muito importantes, porque o Estado tem crescido muito e o governador, sensível a isso, autorizou o concurso para que a gente possa melhorar ainda mais o serviço oferecido à população”, destaca.

Além da Polícia Civil, os concursos da PM e Bombeiros MT, e Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) estão previstos.

O delegado geral da corporação, Mário Dermeval, revelou em fevereiro que já estava em tratativas para abertura de um novo concurso.

“Estamos finalizando um estudo para apresentação ao governo, fizemos diversos pedidos formais tanto nesta gestão, quanto na anterior, para que houvesse concurso para investigadores e escrivães e agora estamos apresentando o estudo final e acreditamos que tenhamos isto muito próximo”, comentou o delegado.

Você Pode Gostar Também:

Ele acrescentou, ainda, pontos referente ao chamamento dos delegados que aconteceu recentemente.

“Além disto, tivemos também a reposição de mais alguns, que acabaram saindo porque passaram em outros concursos. Governo foi sensível em nos permitir preencher as pequenas lacunas. Esperamos que tenhamos mais nomeações e ano que vem também, quando finalmente prescreve o concurso”.

Concurso PC MT 2021: Orçamento aprovado

Em janeiro de 2021, a Polícia Civil do Mato Grosso recebeu a confirmação da aprovação de um orçamento para realização do concurso público para o preenchimento de até 2,6 mil vagas. Este, inclusive, é o total de cargos vagos na corporação.

A emenda ao Orçamento deste ano foi aprovada pela Assembleia Legislativa do Estado. O Governo poderá abrir até quatro novos concursos para Segurança Pública em 2021:

  • Polícia Civil;
  • Polícia Militar;
  • Corpo de Bombeiros; e
  • Perícia.

De acordo com a emenda, o orçamento disponível é para abertura de concursos para a recomposição dos quadros. Porém, a oferta de vagas será apenas para o quantitativo de cargos vagos nas corporações, já anunciados, uma vez que Lei Complementar 173/2020 dispõe que somente será possível realizar concursos em 2021 para reposição de cargos vagos.

Na Polícia Civil, as vacâncias são 2.632 cargos vagos, sendo 158 de Delegado, 1.944 de Investigador de Polícia e 530 de Escrivão.

Vale destacar que a reserva no Orçamento com o quantitativo acima não é uma garantia e certeza de que os concursos serão realizados. É apenas um indício de que as seleções estão no radar do governo. No caso da Polícia Civil, há tratativas avançadas.

Edital do concurso PC-MT é aguardado desde 2017

A Polícia Civil-MT aguarda há mais de três anos o novo edital, uma vez que o certame está previsto desde 2017, quando foram anunciadas 1.200 vagas, sendo 600 para escrivão e 600 para investigador.

Além disso, também em 2018, o secretário de estado de Segurança Pública, Gustavo Garcia, confirmou a intenção de realizar a seleção. Além disso, o edital foi previsto para sair em 90 dias, o que também não se concretizou.

Último Concurso PC MT

O último concurso da Polícia Civil/MT aconteceu em 2012. As avaliações objetivas contaram com 70 questões, Conhecimentos Básicos (Língua Portuguesa), Conhecimentos Gerais (Ética e Filosofia, Atualidades História e Geografia de Mato Grosso) e Conhecimentos Específicos (Noções de Informática, Noções de Direito Administrativo, Constitucional, Penal e Processual Penal, Organização e Estatuto da Polícia Judiciária Civil/MT).

Cada questão da prova objetiva foi composta de cinco opções (A, B, C, D e E) de múltipla escolha. O candidato deverá assinalar uma única alternativa como resposta, de acordo com o comando da questão.

Além das provas objetivas, os inscritos foram avaliados por títulos, exame de saúde, teste físico, avaliação psicológica e investigação social. A validade do concurso foi de dois anos, podendo ser prorrogado por mais dois anos.

Sobre a Polícia Civil do Mato Grosso

A história da polícia no Estado, como em todos os outros, sofreu influência direta do que ocorria no mundo ocidental. Ressalta-se que a capitania de Mato Grosso foi criada em 1748, mas apenas em 03/03/1753 foi instituída a companhia de Ordenança de Homens Pardos com efetivo de 80 pessoas.

Após a Independência do Brasil, a Carta Magna de 1824 normatizou a formação de posturas policiais em suas províncias. Naqueles dias o juiz de paz tinha também atribuição de polícia. Em 1835, com a formação da Assembléia Legislativa Provincial, foi criada a polícia com a denominação de “Homem do Mato”, com o fim precípuo de substituir a guarda municipal de Cuiabá, porque muitos dos seus membros faziam parte da Rusga. Com a reforma do Código de Processo Criminal em 1841, separaram-se as funções policiais da justiça, passando aquelas aos Chefes de Polícias e aos Delegados.

A polícia civil em Mato Grosso é criada em 24/05/1842, por portaria do Presidente da Província, sendo escolhido, politicamente, seu Chefe de Polícia, dentre os desembargadores, juízes de direito, subdelegados e cidadãos, uma vez que era obrigatória sua aceitação. Com a República a polícia no Estado foi reestruturada por meio do Decreto nº 08, de 26 de outubro de 1891, após este período. Após a segunda República, a polícia se volta mais para proteção dos patrimônios públicos. E com o advento das duas guerras mundiais não se registra mudanças relevantes na organização.

Leia Também:

Está “bombando” na Internet:

Fonte: Notícias Concursos